Header Ads

ad728
  • Últimas notícias

    Morador de Ibiporã morre vítima de Dengue hemorrágica


    O estado já é de epidemia. Ibiporã registra mais de 170 casos confirmados de dengue somente este ano. Na noite de ontem (27) a primeira morte por dengue hemorrágica foi confirmada. O sr. José Farias de 80 anos, estava internado desde terça-feira da semana passada (21) no hospital Santa Terezinha de Ibiporã, foi transferido para a UTI do Hospital Evangélico de Londrina e faleceu na noite desta segunda-feira (27). Segundo informações da família, Farias teve uma parada cardíaca e não resistiu. A dengue hemorrágica acontece quando a pessoa infectada com o vírus da dengue sofre alterações na coagulação sanguínea. Os sintomas iniciais são parecidos com os da dengue clássica, e após o terceiro ou quarto dia surgem hemorragias causadas pelo sangramento de pequenos vasos da pele e outros órgãos. Na dengue hemorrágica, ocorre uma queda na pressão arterial do paciente, podendo gerar tonturas e quedas da própria altura.
    Seu Farias, era muito conhecido e querido na cidade de Ibiporã, foi um dos fundadores da Casa da Sopa e da Fraternidade Espírita Mensageiros da Luz, foram mais de 30 anos dedicados a causas sociais, ajudando pessoas e famílias menos favorecidas. O corpo de seu José Farias está sendo velado na Capela Mortuária do cemitério municipal São Lucas de Ibiporã, seu sepultamento acontecerá as 14h desta terça-feira (28).
    Ibiporã vem travando uma forte batalha contra a proliferação do mosquito da Dengue, a secretaria de saúde do município junto ao departamento de endemias, vem realizando vistorias diárias, palestras, divulgação nas mídias locais, limpeza de vias e terrenos, mas se a população não fizer sua parte, esse número só vai aumentar. O veneno utilizado para eliminar o mosquito mais conhecido como "fumacê" é fornecido pelo estado, mas está em falta. No Paraná já são mais de 13 mortes confirmadas por Dengue.

    Redação 21News